quarta-feira, 30 de abril de 2014

Utena (Mangá | Anime)

Um conto de fadas moderno e uma releitura do clássico dos anos 70, Berusaiyu no Bara ou A Rosa de Versalhes, de Riyoko Ikeda, Utena traz uma heroína que não deseja ser uma mera e indefesa princesa, mas sim o príncipe encantado de alguém.

Utena, mangá de Chiho Saito e Be-Papas (1996-1997) baseado no clássico dos anos 70,
Berusaiyu no Bara, de Riyoko Ikeda.

Título: 少女革命ウテナ/ Shoujo Kakumei Utena/ Revolutionary Girl Utena/ Utena
Roteiro/ Arte: Be-Papas/ Chiho Saito
Gênero: Ação, Aventura, Drama, Fantasia, Romance, School Life, Shoujo, Shoujo-Ai, Tragédia, Yuri
Publicação:
Mangá - 6 volumes (1996-1997)/ Licenciado pela JBC - 12 volumes (2008)
Anime - 39 episódios (1997)
Animação (1999)

Contém cenas inadequadas para menores de 16 anos!!

Sinopse: Tenjou Utena ficou órfã aos 6 anos e queria morrer, porém um príncipe "encantado" a salva e pede que ela se mantenha sempre nobre, pois um dia eles irão se encontrar novamente, para firmar essa promessa, ele lhe dá um anel com o selo de uma rosa e desaparece. Aos 14 anos, Utena ingressa na Academia Ohtori e decide virar o sonho de qualquer garoto e garota: no colégio, ela veste um uniforme masculino estilizado e se comporta de forma corajosa e galante. Todas as meninas e meninos do colégio suspiram por ela. Mas algo muito mais sério e além da sua compreensão acontece, mas só quando ela conquistar o poder de "revolucionar o mundo" é que ela poderá um dia reencontrar o seu príncipe da rosa.



Shoujo Kakumei Utena, título com o qual foi publicado inicialmente pela editora Shogakukan, é um Shoujo-Ai muito conhecido no final dos anos 90. Utena é a garota revolucionária que teria o poder de revolucionar o mundo se ganhasse todos os duelos. Apesar de não imaginar estar envolvida em algo assim, desde o início, quando ganhou o anel com o selo de uma rosa sua vida já estava selada ao segredo da Academia Ohtori, a sociedade da Rosa Negra e tudo só piora quando Utena vence o seu primeiro duelo contra Saionji e a chamada "noiva da rosa", Anthy Himemiya, passa a ser sua noiva e as duas vão morar juntas.

Assim como seu ancestral Berusaiyu no Bara, Utena traz temas tão polêmicos quanto. Utena Tenjou sente uma atração por Anthy, mas também se sente atraída por Akio Ohtori, irmão de Anthy (e também faz parte do segredo que Anthy esconde de todos). Além disso, Utena não gosta de parecer feminina ou frágil. Mas para tornar a situação ainda mais bizarra, Anthy e o irmão também têm um caso. E tudo isso sem falar no tal poder da rosa que pode revolucionar o mundo.

Da esquerda para a direita: Miki Kaoru, Touga Kiryuu, Anthy Himemiya, Utena Tenjou, Kyouichi Saionji e Arisugawa Juri.

Utena ganhou uma série animê em 1997 contando com 39 episódios, sendo dirigida por Kunihiko Ikuhara, além dessa série animê, Utena ganhou um longa metragem, em 1999, intitulado: Shoujo Kakumei Utena - Adolescence Mokushiroku ou simplesmente, Utena Movie - Adolescence Mokushiroku, mas não se sabe se ele seria uma continuação do anime/mangá ou uma história paralela sob outro ponto de vista. Ainda sobre o filme, foi mantida a mesma trilha sonora do anime, incluindo a faixa de abertura Rinbu Revolution, interpretada pela cantora Masami Okui.

O anime e o mangá apresentam algumas pequenas diferenças, mas isso é assunto para uma outra postagem. Além disso, os traços do filme são um pouco diferentes dos traços da Chiho Saito. Anthy não tem cabelo curto, mas geralmente não o usa solto, como é mostrado no filme. E, particularmente, não gostei muito dos olhos da Utena no filme, ela tem um rosto tão inocente, mas não é um inocente de pureza, é um inocente de ser ingênuo e abobalhado. Sem falar que o cabelo de Utena é sempre curto e isso me dá agonia. Mas lembrando que essa é uma opinião minha e se você é leitor assíduo desse blog já deve saber que eu tenho uma grande e forte resistência quando mudam drasticamente os personagens dos animes/mangás que eu amo...




Dos 6 volumes do mangá, publicados no formato tankoubon no Japão, o penúltimo volume traz duas histórias paralelas à Academia Ohtori e à Utena. Uma delas traz a esgrimista Juri Arisugawa (que na série em mangá não gostava da Utena) se apaixonando pela primeira vez por alguém. Muito fofo!! Já a segunda história traz Utena fazendo algumas descobertas... Já o último volume é intitulado no Brasil como Utena - Uma Aventura Mágica.

Utena foi escrito há mais de 15 anos atrás, mas ainda consegue emocionar muitas pessoas. A personalidade forte e destemida de Utena Tenjou pode servir de inspiração e motivação para várias garotas. Além disso, vale super a pena conhecer o sedutor e intrigante Touga Kiryuu. Touga foi o cara que, no início da história, roubou o primeiro beijo de Utena. Na verdade, ele é super apaixonado por ela, no início eu até estava torcendo para que nossa querida heroína abrisse os olhos a tempo e descobrisse a real intenção de Akio Ohtori, mas enfim... se eu contar mais já vira spoiler...

Depois dessa, mais do que recomendo que vocês leiam e assistam essa história super envolvente. Não preciso mencionar que Utena é edição de colecionador, então, só está disponível para venda nos sites do Comix Book Shop e de sebos e livrarias virtuais, como o Estante Virtual.

Contém cenas inadequadas para menores de 16 anos!!


Mangá em Português - Sem Links
Licenciado pela JBC

Anime legendado em português:
Ver online: Anitube

Animação legendada em português:

0 comentários:

Postar um comentário

Yooooo, Minnaaaa.... arigatou pela leitura... Comentem caso vocês tenham gostado dessa postagem... Caso postem comentários que não tenham nada a ver com o conteúdo do blog ou comentários ofensivos, os mesmos serão excluídos. Kissu...

 

AniMangá House Template by Ipietoon Cute Blog Design