sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Boku wa Imouto ni Koi wo Suru

Antes de falar sobre a história desses dois irmãos, que aparentemente não se dão bem, mas são apaixonados um pelo outro, preciso esclarecer umas coisinhas antes. A temática de Boku wa Imouto ni Koi wo Suru é adulta, pois trata de um incesto. Por isso, ele também é classificado como Smut, termo utilizado para designar perversão, algo que foge do "normal"... Koi Kaze também fala de incesto, mas num grau mais angelical e romantizado do que Boku Wa Imouto ni Koi wo Suru. Além disso, embora o site do Baka Updates classifique o mangá como shoujo, eu discordo um pouco disso, por causa da temática se aproximar muito do josei, por ter uma temática adulta e insinuações de sexo e nudez, portanto, eu tratarei a obra como um shoujo maduro, quase um josei.

Título: 妹に恋をする/ Boku wa Imouto ni Koi wo Suru/ Secret Sweethearts/ I Love My Little Sister (Eu Amo Minha Irmã Pequena)
Mangaká: Kotomi Aoki
Gênero: Comédia, Drama, Incesto, Romance, Shoujo, Slice of Life, Smut.
Publicação:
Mangá - 10 volumes (2003)
OVA - 1 episódio (2005)
Live-Action - J-Movie (2007)

Boku wa Imouto ni Koi wo Suru, da mangaká Aoki Kotomi (2003)

Contém cenas inadequadas para menores de 16 anos (pelo menos)!!

Sinopse: Yuki Iku e Yuki Yori são irmãos gêmeos e desde a infância sempre foram muito ligados. Porém, quando ambos completam 15 anos, Yori começa a tratar Iku com frieza e impaciência, mas apesar da aspereza, no fundo no fundo ele só quer esconder seus sentimentos por ela. Apesar de tentar repelir esse amor proibido, existe sempre algo que é mais forte do que a razão. Iku e Yori conseguirão viver o amor que sentem um pelo outro, lutando contra tudo e contra todos para proteger esse amor?



Ainda não terminei de ler todo o mangá, pois ele ainda está sendo traduzido para o português. Entretanto, também pausei a leitura porque na scan a tradução está meio parada, por falta de tradutores, se não me engano.Mas enfim, vamos às minhas considerações, porque já li uma boa parte do mangá e assisti tanto ao OVA quanto ao J-Drama, e preciso fazer algumas considerações sobre eles... Vale salientar que o mangá é muito mais detalhado e diferente do filme, não faz julgamentos de valor acerca do amor entre os dois irmãos.

Primeiramente preciso dizer que a Tomoka Kusunoki (interpretada por Komatsu Ayaka), a garota que é apaixonada pelo Yori (interpretado por Matsumoto Jun), no J-Movie, é uma chantagista desgraçada... Ela é extremamente detestável e eu a odiei tanto no filme como no OVA. Em ambos, ela é obcecada pelo Yori e isso não é amor, além disso, no J-Movie, dá vontade de entrar na tela e bater nela, de dar umas chacoalhadas pra ver se ela se torna uma pessoa melhor e menos intragável. Ela sabe que o Yori não a suporta e mesmo assim, ela quer porque quer que ele seja dela. Pela nossa experiência em shoujo, qual a probabilidade de isso dar certo?

Boku wa Imouto ni Koi wo Suru, filme japonês (2007).

Além disso, vale ressaltar que a história mostrada tanto no filme como no OVA são bem atenuadas. De qualquer forma, tratar de incesto não é uma coisa lá muito aceitável pela grande maioria das pessoas. O sucesso da história vai depender muito de como o público a recebe. E sinceramente, a irmã gêmea do Yori no filme, me dá nos nervos de tão lesada que ela é. *Spoiler*: O live-action tem um final muito triste e diferente do final do mangá. No filme, depois de algum tempo, ao voltarem para o lugar onde Yori dissera que casaria com Iku, eles percebem que não valia a pena continuar com aquele amor proibido. Já no OVA, o final é muito próximo do que acontece no mangá, Yori resolve mudar de escola e de cidade e mesmo passados 10 anos longe de Iku, quando ele retorna para casa, os dois ainda estão apaixonados. *Fim do spoiler*.

Boku wa Imouto ni Koi wo Suru, OVA (2005)

Como sempre digo, ler o mangá é essencial para se ter um posicionamento sobre a história, visto que há muitas diferenças no OVA e no J-Movie, sobretudo, na adaptação fílmica. O Yori do mangá não tem uma personalidade tão diferente do Yori do OVA e do J-Movie. Mas a Iku (interpretada por Eikura Nana) é bem infantilizada e tem horas que parece uma tapada melodramática... No J-Movie, ela é muito insuportável (mas essa é uma opinião minha, tá?). Mas gosto da Iku do OVA e do mangá. Particularmente, não gosto muito quando alteram demasiadamente a personalidade dos personagens. A Iku do filme é desagradável demais e isso me fez sentir uma grande decepção com relação a ela.

Mas é como eu sempre digo, leiam o mangá!! Sei que muita gente prefere o anime por ser mais de boas, no entanto, muitos animes não contam a história completa do mangá. Enfim, eu recomendo a leitura do mangá, pois além de ser mais detalhado, dá para ter uma visão mais geral dos personagens. E uma visão menos moralizante. Fiquei meio triste com o J-Movie, eu esperava mais do filme de Boku wa Imouto ni Koi wo Suru, mas essas coisas acontecem. Ao mangá está compensando essa minha decepção. E uma boa notícia é que vi recentemente (postagem editada dia 25/04/2016) que as traduções do mangá foram retomadas. Ainda bem. Ressaltando, leiam o mangá, mas recomendo apenas para quem não se incomoda com a temática da história. Até a próxima!! Kissu!!

Contém cenas inadequadas para menores de 16 anos (pelo menos)!!



Mangá em português-PT
Scan: Fascínio Asiático

OVA legendado em português:
Ver online: Anitube

J-Movie:

8 comentários:

  1. Vou começar acompanhar o mangá agora.. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale muito a pena, a história é bem dramática, mas é muito boa... Boa leitura ;)

      Excluir
  2. No j-movie.. agora que você deu o spoiler entendi, ees realmente desistem droga, prefiro o OVA :(

    ResponderExcluir
  3. A linguagem do mangá táh muito formal, de acordo com a tradução é assim mesmo é? Parece q eles estão usando vocabulário espanhol tipo : tu, eres, tua, não poderas sentir-se, essas coisas... Em fim, amoooooooooo essa história deles. Amei o blog tb sucesso! Kissus >.<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii, One-chan... Realmente, a linguagem tá bem formal porque a scan que traduz é mista. Os tradutores são brasileiros e portugueses. Aí, no caso de Boku wa Imouto, quem faz a tradução é a scan Fascínio Asiático e, por ser bem formal a linguagem, provavelmente quem faz a tradução desse mangá são tradutores portugueses. Ou seja, o texto tá bem formal porque está em português de Portugal.... é bem estranho no começo, mas depois a pessoa acaba se acostumando... rsrsrs... mas português-PT é muito diferente do nosso, isso é... Bjs pra vc tb... e obrigada pelo elogio. Espero que continue acompanhando o blog. *----*

      Excluir
  4. Bom, eu assisti o anime para tirar as minhas próprias conclusões.
    E foi realmente a coisa mais bizarra que já vi!
    Eles usam essa técnica de romantizar para deixar coisas verdadeiramente horrendas em "fofas".
    Posso citar exemplo como "50 tons de cinza", praticamente pregando que não tem problema em apanhar pois o cara sofreu na infância, além de possuir muita grana e ser bonito.
    Coisas desse gênero não acho nenhum pouco bonitinho. Isso é o que penso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato, quem constrói esse tipo de enredo precisa romantizar. Afinal, a história aborda um romance entre dois irmãos. É um incesto. Aos nossos olhos isso é horrendo e tals. Mas a história não pode ser inverossimilhante dentro da sua narrativa. Os personagens têm ciência de que é errado, mas não podem evitar se amarem. Entretanto, os demais personagens não concordam com isso. Não tem aprovação dos outros personagens, tanto que o Yori resolve se afastar da irmã. O caso é que a história é o que ela diz no título: Eu amo a minha irmã pequena.

      Super entendo a sua opinião. Conheço muitas pessoas com esse mesmo posicionamento. Eu gosto da história por ser uma ficção. Agora se eu visse algo do tipo na vida real, aí seria outra história.

      Excluir

Yooooo, Minnaaaa.... arigatou pela leitura... Comentem caso vocês tenham gostado dessa postagem... Caso postem comentários que não tenham nada a ver com o conteúdo do blog ou comentários ofensivos, os mesmos serão excluídos. Kissu...

 

AniMangá House Template by Ipietoon Cute Blog Design