sábado, 27 de dezembro de 2014

Deadman Wonderland

Meu caso de amor com essa história surgiu quando vi o primeiro volume do mangá na banca e fiquei imaginando que história louca teria um título desses... Li a sinopse da contracapa do mangá e me interessei... Na verdade, arrisquei e acabei acertando numa história super incrível, apesar de todas as cenas fortes de mutilação e morte, ainda assim, vale a pena conferir sobre o que acontece dentro de um universo totalmente insano como o de Deadman Wonderland.

Título: デッドマン・ワンダーランド/ Deddoman Wandārando/ Deadman Wonderland
Roteiro/ Arte: Kataoka Jinsei/ Kondou Kazuma
Gênero: Ação, Drama, Horror, Psicológico, Sci-fi, Shounen, Sobrenatural, Tragédia
Publicação:
Mangá - 13 volumes (2007-2013)/ Licenciado pela Panini Comics
Anime - 12 episódios (2011)
OVA - 1 episódio (2011)

Deadman Wonderland, Kondou e Kataoka (2007-2013)

Contém cenas inadequadas para menores de 18 anos, como mutilação e tortura.

Sinopse: Igarashi Ganta era um estudante comum, com uma vida pacífica e sem complicações... até o dia em que foi acusado e condenado injustamente por um massacre escolar! Para piorar, Ganta foi enviado para uma peculiar instituição penal chamada "Deadman Wonderland", onde terá que sobreviver aos mais diversos perigos e jogos de interesse.

O personagem principal é Igarashi Ganta, que após uma grande injustiça é condenado à pena de morte e passa a fazer parte do sistema penitenciário Deadman Wonderland. A Deadman Wonderland é um presídio de iniciativa privada que realiza shows e programas de entretenimento usando os próprios presos como participantes. Além dos programas de entretenimento, o presídio também é um parque temático que usa o dinheiro arrecadado para ajudar na reconstrução de Tóquio, que foi devastada por um grande terremoto há uns dez anos atrás, entretanto, isso tudo é apenas uma fachada para que o diretor e Tamaki Tsunenaga realizem seus experimentos genéticos com os próprios detentos, ferindo totalmente os direitos humanos.





Shiro é a minha personagem preferida da história inteira. É muito triste saber o que aconteceu com ela quando criança e, principalmente, o desenrolar disso após o grande terremoto. Shiro e Ganta sempre foram amigos, embora, no início, Ganta não consiga se lembrar dela. Antes de tudo ser esclarecido, Ganta e Shiro sequer imaginam que seus destinos são tão conturbados. Enquanto Ganta quer se vingar do homem de vermelho que matou seus amigos, Shiro só quer ser feliz ao lado do amigo. Mas como uma boa história é feita de reviravoltas, o surgimento de vários personagens importantes para o enredo e a descoberta de quem Shiro realmente é, fazem de Deadman uma das histórias mais alucinantes e insanas que eu já li. É óbvio que quando eu falo insana, não digo ilógica, digo insana no sentido de surreal.

Quem acompanha o blog sabe que não curto shounen, mas quando é uma história incrível, abro algumas exceções. Deadman Wonderland traz o lado mais ambicioso do ser humano, que para conseguir o que quer é capaz de tudo, mas também nos mostra que a amizade mesmo sob circunstâncias complicadas e duvidosas ainda é o que podemos ter de mais valioso. (Gostaria de falar sobre os demais personagens, mas como é uma série longa, existem vários personagens significativos, por serem muitos e por não querer me estender mais, me ative apenas em falar dos principais, Ganta e Shiro).




A série ganhou uma versão anime em 2011. Para quem prefere assistir ao anime ao invés de ler o mangá, a história conta apenas com 12 episódios mais um episódio extra. Para mim, particularmente, o anime não supriu minhas expectativas. Como já estava acompanhando o mangá há algum tempo, estranhei algumas modificações que fizeram ao longo dos episódios, o que me fez desistir de acompanhar os demais. Para quem acompanha o blog sabe que eu detesto quando o anime muda coisas do mangá, independente do grau, mas quando tendenciam a história, aí eu me arreto e desisto sem pestanejar. Resumindo: se eu assistir ao anime antes e ler o mangá depois, de boinha... mas se eu ler o mangá e vir o anime depois, sem chance, nem começo.

No mais, galera... Vale muito a pena conhecer o universo insano de Deadman Wonderland. Lembrando que há sim cenas fortes e para quem tem estômago fraco, desista enquanto há tempo. A história não faz distinção de gênero, as cenas de mutilação e de morte são bem realísticas para ambos os sexos, então, vá com calma... Apesar de a história ser muito boa e original, vale salientar que nem todo mundo curte ver pedaços de corpos espalhados pelos cantos, o que em Deadman tem e muito. No mais, galerinha... super recomendo essa história e até a próxima, com a postagem da retrospetiva 2014 dos melhores do blog... Ja ne!!

Contém cenas inadequadas para menores de 18 anos.


Mangá em Português - Sem Links
Licenciado pela Panini Comics

Anime legendado em português:
Fansub: Animes Expansion; Animes Keey; Hinata; Otanime Extreme

Entenda porque os links foram removidos

2 comentários:

Yooooo, Minnaaaa.... arigatou pela leitura... Comentem caso vocês tenham gostado dessa postagem... Caso postem comentários que não tenham nada a ver com o conteúdo do blog ou comentários ofensivos, os mesmos serão excluídos. Kissu...

 

AniMangá House Template by Ipietoon Cute Blog Design