sexta-feira, 4 de abril de 2014

Video Girl Ai (Mangá)

Yooooooooooooo, Minna!! Como vocês estão? Eu estou ótima, quer dizer, tentando "superar" minha crise de sinusite e rinite alérgica que me nocauteou desde sexta-feira passada. Mas vamos lá... Hoje resolvi falar sobre um mangá que li há muito tempo atrás, exatamente há 5 anos. Video Girl Ai foi a segunda série completa de mangás que tive a oportunidade de ler e olha que foi emprestado. Imagina que pessoa de bom coração foi o meu querido amigo, Haws, por emprestar 26 volumes a uma pessoa e confiar que ela iria cuidar e devolver só sendo muito amigo mesmo - risos.

Título: 電影少女/ Den'ei Shōjo/ Video Girl Ai
Mangaká: Masakazu Katsura
Gênero: Comédia, Drama, Ecchi, Romance, School Life, Sci-fi, Shounen, Slice of Life
Publicação:
Mangá - 15 volumes (1989-1993)/ 30 volumes (1990) - Licenciado pela JBC
Live-Action - J-Movie (1991)
OVA - 6 episódios (1992)

Video Girl Ai, mangá de Masakazu Katsura (1989-1993)

Sinopse: Youta Moteuchi é um tremendo azarado com as mulheres. Quando resolve se confessar para a garota dos seus sonhos, Moemi Hayakawa, descobre que ela é apaixonada pelo seu melhor amigo, Takashi Niimai. Triste e desolado, Youta acaba entrando numa videolocadora muito estranha e aluga uma fita de vídeo. Ao chegar em casa, coloca a fita no videocassete e acidentalmente Youta derruba o aparelho, danificando a fita e fazendo com que Ai Amano saia de dentro da tela da sua TV.

Li Video Girl Ai e amei... tanto que recentemente fiz um grande esforço para adquirir a coleção completa e já reli duas vezes. Eu amo a Ai, ela é meiga e durona ao mesmo tempo. Só o Youta que é um idiota, aff!! Mas o desenrolar da história, é perfeito! Ninguém pode superar o amor que duas pessoas sentem.

Video Girl Ai é constituído por duas histórias + um oneshot de brinde ao final do último volume. Do volume 1 ao 13 é contada a história da video girl Ai Amano, nos volumes 14 e 15 são contadas as histórias da video girl Len Momono e da video girl Haruno (oneshot). Ainda não li esses dois últimos, mas estou ansiosa para encontrar a história da Len, porque da Haruno já encontrei online. (Acho que da Len só comprando a versão em 4 volumes da JBC... muito chateada risos...)


Video Girl Ai versão OVA.

Na história do mangá, uma video girl é uma garota (criada pelos donos da Locadora Gokuraku (Paraíso), nome da estranha locadora que Youta entrou) para consolar rapazes puros de coração que levaram um fora. E apesar dos pesares, Youta é um desses rapazes puros de coração. Na capa do vídeo, a garota parece tão sorridente que vai sair dali e realmente consolar o cara. Quase um remédio milagroso!

Entretanto, Youta acaba derrubando o videocassete, o que provoca um curto circuito no aparelho e uma mudança radical na personalidade da sua video girl Ai. Além da mudança de personalidade, Ai perde parte do volume dos seus seios, que de grandes passam a ser bem pequenos. Além disso, Ai passa a ter sentimentos, coisa que as video girls não podiam sentir. Por essa razão, ela é considerada uma mercadoria com defeito e o dono da Locadora Paraíso, Louleck, quer tomá-la de volta para reprogramá-la.

O OVA de Video Girl Ai tem apenas 6 episódios e só conta a história até o volume 3, ou seja, muita parte da história não é contada e o OVA não tem final, terminando na parte que Youta vai atrás de Ai Amano quando esta é capturada pelo dono da Gokuraku. Youta prova todo seu amor e determinação para salvar Ai, mas o OVA termina antes mesmo de ele conseguir ou não. Na sequência do mangá, ele recupera Ai, mas ela acaba perdendo a memória.


Ai Amano e Moemi Hayakawa

Depois desse episódio, Youta começa a namorar duas garotas diferentes, Nobuko Nizaki e pasmem!. por incrível que pareça, uma delas foi a Moemi Hayakawa. Mas ela tem medo dos homens, desde que sofreu uma tentativa de estupro. Moemi é super meiguinha, super boazinha, mas é tão irritante que minha vontade era de bater nela... Enfim... A história de Video Girl Ai é muito bonita, embora seja um shounen, o foco da história é no romance de Youta e Ai, entretanto, apesar de fazer de tudo para recuperar a Ai no início do primeiro arco da história, Youta está longe de ser um herói ideal. Todavia, vale muito a pena ler, tanto pela história quanto pelo figurino dos personagens. Anos 80, amoooooooooo!!


A agitada e
atenciosa Len.
Video Girl Len

Video Girl Len sai da fita cassete "Apaixone-se", quando Hiromu Taguchi encontra a Nova Locadora Paraíso (cujo dono é o Youta Moteuchi) por acaso e entra nela. O problema de Hiromu é de se apaixonar pelas mulheres e ser rejeitado, da mesma forma que fora rejeitado por uma garota pela qual era muito apaixonado. Len tentará mudar isso, mas terá que superar as investidas do amigo mulherengo de Hiromu, Toshiki Harukawa, e aprender a entender como funcionam os sentimentos dos humanos. Para completar sua missão, Len não se importará de apelar para medidas extremas.


Haruno.
Video Girl Haruno (oneshot)


Munehiro é um rapaz muito tímido que nunca namorou. Ele é um dos caras que conhecem a Gokuraku antes de Youta. Video Girl Haruno é uma história paralela que acontece antes da história de Youta e Ai. Entrando na Gokuraku, "Munehiro escolhe uma linda e feminina garota de cabelos escuros chamada Haruno. Mas as regras para rodar a fita no vídeo são diferentes. Ele precisa colocar a fita no aparelho e apertar Rec (tecla para gravar algo numa VHS). E o que acontece quando é exibida uma propaganda com um modelo masculino? No momento que a tecla Rec é pressionada as imagens de Haruno começam a se cruzar com as do modelo da propaganda, fazendo assim com que Haruno saísse do vídeo com uma aparência menos feminina e com um jeito menos delicado. Haruno tem a missão de confortá-lo, mas ela acaba se apaixonando e aí o que vimos em Video Girl Ai se repete, só que em menos páginas" (Retirado de Wordland Animangá).


Live-Action


Kaori Sakagami como Ai Amano.

O live-action lançado em 1991, conta a história apenas da Ai e do Youta. O filme tem 95 minutos de duração e foi dirigido por Ryuu Kaneda. Kaori Sakagami é a atriz que faz Ai Amano, na época, ela tinha 17 anos, quase a mesma idade que a sua personagem. Kaori também é conhecida por cantar uma música para o anime Ranma 1/2. E em 2001 foi escalada para ser a oficial Shinobu, na série Ultraman CosmosJá os demais atores que fizeram a Moemi, o Takashi e o próprio Youta são muito ruins. Sério, a Moemi (Hiromi Hamaguchi) é tão apagada que você nem lembra dela. O Takashi (Naoki Hosaka) parece um moleque, totalmente diferente do Takashi maduro do mangá e o Youta (Ken Osawa) parece um super débil mental. Não assisti ao filme todo, mas vi algumas cenas no youtube, o suficiente para me deixar decepcionada. A única coisa triste de Video Girl Ai é saber que mesmo depois de ler o mangá inteiro, você se pergunta, pqp, por que eles não fizeram a série em anime do mangá todo?




Mangá em Português - Sem Links
Licenciado pela JBC

Oneshot em português:
Scan: Chrono

OVA legendado em português:
Fansub: Sakura Animes

Mangá em espanhol:
Soul Craft Fansub (descarga - completo)
TuMangaOnline (leer online - completo)

Entenda porque os links foram removidos

17 comentários:

  1. No final do mangá a ai consegue se tornar humana e fica morando em definitivo com o Youta, não é?? Eles ficam juntos no fim da história??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Danilo... tudo bom?

      Como muita gente talvez ainda não tenha lido o mangá, não posso soltar um spoiler gigantesco desses... mas asseguro a você que tudo termina num final feliz satisfatório.

      ^^

      Excluir
  2. Tá ok!!! Brigadão mesmo assim!!!! Es acho essa história muito boa!!!! Os Japonêses sabem melhor do que todos os outros como mexer com os sentimentos humanos.....até a música do anime é super comovente. Agora a cena dos créditos finais do último epsódio do OVA é bem difícil de entender!!! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade...
      é um dos meus mangás favoritos.... se vc puder ler o mangá, leia. Vale super a pena ;)

      Excluir
  3. Você tem algum site onde posso ler on-line?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?

      Então, Video Girl Ai é um mangá de 1989, além disso, já foi licenciado pela JBC em 1990. Já é bem difícil encontrar os volumes do mangá para comprar, há ainda a possibilidade de a JBC fazer o relançamento da série em versão tankoubon, mas não é nada certo nem confirmado ainda. Apenas especulação.

      Eu mesma nunca encontrei alguma scan que tenha traduzido esse projeto, então, infelizmente, para ler essa história você teria que ir atrás do mangá físico licenciado pela JBC que são, como eu disse, bem difíceis de achar por já terem 27 anos de publicados aqui no Brasil.

      Excluir
  4. Quando eu tinha 12 anos +- tive a oportunidade de comprar uma edição dela, claro, naquela idade comprei apenas por achar a arte muitooo bonita (além disso era apenas o volume 08 brasileiro), mesmo aos 12 anos e lendo apenas uma parte da história já me senti transformado pelo manga. Hoje aos 30 anos comprei 2 coleções completas, uma eu consegui comprando 3 ou 4 pacotes do manga separados e a outra comprei inteiro no mercado livre... Custou-me em torno de uns 500 reais +-. Para quem quer ler, existem as versões em .torrent para download, com uma qualidade super boa, em inglês. Mas vale muitooo a pena. Senti-me realizado e aliviado ao ler a história do inicio ao fim, me senti assim também assistindo SAO. Também amo o estilo retro dos anos 80, outra coisa que acho bacana é que ele foi lançado no Japão no mesmo ano do meu nascimento, 1989. =]
    Obs: O Youta não derrama nada no vídeo cassete, ele derruba acidentalmente o aparelho, no começo do manga, causando estragos no mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Video Girl Ai foi o segundo mangá que eu li na minha vida. Um amigo tinha a coleção e me emprestou. E a história me tocou tão profundamente que eu fiz o mesmo que você, saí comprando os volumes até consegui completar a coleção e hoje é tão bom poder olhar pra ela e poder reler quando eu quiser. Mas de fato, pra ler online é difícil de encontrar, mas vale super a pena sim...

      Ah, ele derruba o videocassete, acho que confundi, fazia um tempinho que eu tinha escrito a resenha, eu tinha deixado salva nos rascunhos e esse detalhe passou batido.

      Brigada pelo feedback, Tiago, espero vê-lo mais por aqui.

      ;)

      Excluir
    2. esse foi o primeiro maga que li na vida eu tinha a coleção completa e lenbro que vendir por 25 reais para jogar video game rsrsrs

      Excluir
  5. Eu li em 2001, tive a coleção até 2017...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eitaaaa, não sei qual a circunstância que fez você abrir mão da coleção, mas coragem, rsrsrsrs... Eu li o mangá em 2009 e anos depois adquiri a coleção, mas ainda não sei se vou conseguir me desfazer dela rsrs

      Excluir
  6. Eu queria tanto ler o mangá, pena que foi instinto das redes sociais br kkkkkk só vi o anime TT espero um dia conseguir ler 😔❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. no site comix tem todos os volumes por DOIS reais cada. vim procurar resenha pq ta mto barato e to pensando em comprar kkkkkkkk

      Excluir
  7. Onde ler esse manga em formato digital? Gostaria muito de encontrar, já procuro a muito tempo, se alguém souber por favor avisem aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, PH.
      Infelizmente, em português, não tem o mangá traduzido pra ler online, já que a série foi licenciada pela JBC há muito tempo.
      Se vc tiver interesse em ler, você encontra o mangá traduzido em espanhol no facebook do Soul Craft Fansub (https://www.facebook.com/FansubSoulCraft/), lá eles disponibilizam o link para o download completo dos capítulos. Se preferir ler online, vc encontra a série completa no TuMangaOnline (https://lectortmo.com/library/manga/10791/video-girl-ai), tb em espanhol.

      Excluir

Yooooo, Minnaaaa.... arigatou pela leitura... Comentem caso vocês tenham gostado dessa postagem... Caso postem comentários que não tenham nada a ver com o conteúdo do blog ou comentários ofensivos, os mesmos serão excluídos. Kissu...

 

AniMangá House Template by Ipietoon Cute Blog Design